Esta relevante marca da arte paleolítica – de entre 15.000 e 25.000 anos – na Extremadura encontra-se em pleno casco urbano.
Conta com trinta grupos de motivos que representam setenta mãos humanas em negativo, rodeadas de pigmentos avermelhados. Ao longo dos seus 130 m de longitude, aparecem mãos pintadas junto a pontos ou linhas em negro e outros motivos gravados com buril.
Estudos tecnológicos recentes demonstraram a existência de numerosas representações antes desconhecidas de figuras de animais gravadas.
Uma explosão para extrair mineral da Canteira deixou a descoberto, em 1951, uma entrada da caverna. Cinco anos depois, o historiador local Carlos Callejo descobriu as pinturas.
O delicado estado de conservação das pinturas impede que a caverna de Maltravieso possa ser visitada pelo público. Por isso, o Ayuntamiento de Cáceres e a Consejería de Cultura da Junta de Extremadura optaram por dar a conhecer a riqueza patrimonial do lugar através do Centro de Interpretação, inaugurado em 1999.
No Centro os visitantes podem conhecer como a caverna e as suas manifestações artísticas, a sua história e avatares, os seus descobridores e investigadores,através de maquetas, e a projecção de um vídeo, e incluso submergir no escuro ambiente de uma cavidade como a que habitaram os nossos antepassados do Paleolítico.
A sua concepção é bastante agradável e está desenhado de forma didáctica para tornar o conteúdo compreensível às crianças e grupos escolares que decidam visitá-lo.

Horas de Abertura

Segunda-Feira

-

Terça-Feira

9-15 h

Quarta-Feira

9-15 h

Quinta-Feira

9-15 h

Sexta-Feira

9-15 h

Sábado

9-15 h

Domingo

10-15 h

Fechado: segundas e feriados públicos

Endereço

O Nosso Endereço:

Avda. de Cervantes s/n Cácees

GPS:

39.45780209819182, -6.369543821017487

Telefone:

Deixe uma Avaliação

Price
Location
Staff
Services
Food
A Publicar ...
A sua classificação foi enviada com sucesso
Por favor preencha todos os campos